• Blog dos conselhos da Affego
busque no blog
32 notícias
Conselho de Administração aprova 2 projetos para o Clube Campestre
Conselho Auxiliar de Gestão do TCA realiza primeira reunião do ano
CA aprova mudanças no Regulamento do Affego-Saúde
CA elege nova mesa diretora em primeira reunião do ano
CA avalia parceria com plano odontológico Metlife
Finanças do Hotel TCA saem do vermelho
7 verdades para fazer seu cérebro trabalhar melhor para você



Enviado em 22/02/2016 às 12h43min
 
 
Conselho de Administração aprova 2 projetos para o Clube Campestre

Alana Sales

Projetos Master Plan e Ambiental foram defendidos pelo conselheiro Orismar Parreira Costa, que também atua no GT-CCA

O engenheiro Eliezer Penna, especialista na área ambiental, falou sobre a necessidade do projeto
O Clube Campestre da Affego em Trindade foi o tema central da última reunião ordinária do Conselho de Administração da Affego, realizada no sábado, 20. Dois projetos envolvendo o futuro da área de lazer foram debatidos e aprovados unanimemente pelo colegiado: o Master Plan, plano macro com propostas para revitalização de todo o Clube; e um Projeto Ambiental, que aponta situações a serem regularizadas na área verde do CCA antes de qualquer empreendimento.

O conselheiro Orismar Parreira Costa, membro do Grupo de Trabalho do Clube Campestre, apresentou os projetos aos colegas a pedido do presidente Joaquim Dilton de Moura Ornelas. As propostas já haviam sido anteriormente encaminhadas à Diretoria Executiva. Após avaliá-las, a Diretoria decidiu consultar também a opinião do Conselho. “O presidente Dilton recebeu estas duas proposituras, mas como é de praxe em sua administração compartilhar as responsabilidades com o Conselho de Administração, trazemos ambos às mãos dos colegas para que os avaliem”, pontuou Orismar.

No intuito de expor a necessidade dos projetos, ele convidou à reunião o engenheiro Eliezer Penna, autor do Projeto Ambiental e especialista na área. “Qualquer área que possui recursos hídricos precisa de outorga para utilizá-los, e este é o caso do Clube Campestre. Sem a outorga, há risco de incorrer contra lei federal. Além disso, é preciso fazer levantamento florístico da área verde do CCA, e efetuar a proteção das nascentes com cercamentos, entre outras medidas exigidas legalmente”, destacou Penna.

O Master Plan, por outro lado, irá avaliar todo o potencial de negócios envolvendo a área de lazer.. “O Master Plan tem quatro grandes propostas para o CCA. Sugere e modernização e revitalização do Clube Campestre com a renda adquirida por meio da construção de prédios residenciais no local; construção de uma pista de cooper, e o estudo da viabilidade econômica do empreendimento, tudo por conta do arquiteto e urbanista Ricardo Evangelista.”, informou Orismar.

Mina de Ouro

Um consenso reconhecido pelos conselheiros foi o grande potencial turístico adquirido pelo CCA graças à expansão da fé em Trindade. Considerado como “Capital da Fé”, o município cresceu vertiginosamente com a Romaria do Divino Pai Eterno, que atrai milhares de romeiros de diversas regiões do País todo ano. Além disso, a edificação da Basílica do Divino Pai Eterno, a maior construção católica fora do Vaticano, ampliará ainda mais as necessidades de áreas de lazer para atender demandas turísticas da cidade.

“De todas as saídas viáveis para o Clube, a única que está totalmente descartada para o Grupo de Trabalho é a venda do CCA”, destacou Orismar Parreira. “Trindade agora é alvo de empreiteiras para construção de condomínios residenciais, e recebe um alto número de turistas anualmente. O potencial turístico e de lazer do Clube é algo único ali. Nós temos uma verdadeira mina de ouro e não sabíamos.”, finalizou o conselheiro.

Os demais colegas do CA endossaram o coro e rechaçaram a possibilidade de venda. Eles aproveitaram para elogiar o trabalho do GT-CCA, reconhecendo a presença de José Machado, membro do Grupo que também participou da reunião, e de Orismar Parreira Costa, pela atuação ímpar junto à área de lazer.

“Vocês fizeram um trabalho importantíssimo e nos trouxeram resultados bastante positivos. A necessidade destes projetos é evidente, e não perderemos um patrimônio tão importante como CCA. Estou com as sugestões do GT e creio que o Master Plan e o Projeto Ambiental darão início a uma nova era para o Clube”, ressaltou José Segurado, presidente do CA. O colegiado aprovou as propostas por unanimidade.

Outros assuntos

Além do CCA, o Affego-Saúde e o Hotel Termas Caldas Affego também estiveram na pauta do Conselho de Administração. A contadora Vera Godoi explanou aos conselheiros que a documentação contábil exigida pela Agência Nacional de Saúde (ANS) para concessão do registro definitivo do plano já foi enviada. “A Affego também já está indo atrás dos prestadores que não vieram receber nos últimos anos para que o façam. O objetivo é diminuir cada vez mais o valor da conta vinculada exigida pela Agência para este tipo de pagamento”, pontuou Vera.

Quanto ao TCA, foi aprovado o relatório enviado pelo conselheiro João Rafael Sobrinho, do Conselho Auxiliar de Gestão do TCA, com a avaliação do colegiado sobre a atuação da Soma Empreendimentos desde julho de 2015. O documento também foi aprovado pelo CA.

Confira o relatório na íntegra CLICANDO AQUI

A próxima reunião do Conselho de Administração ocorrerá em 12 de março.

 
Fonte/Autoria: Alana Sales • Assessoria em Comunicação Affego

 
Enviado em 25/01/2016 às 17h32min
 
 
Conselho Auxiliar de Gestão do TCA realiza primeira reunião do ano

No encerramento das atividades do mandato de 2015, os colegas que integram o Conselho Auxiliar de Gestão do TCA realizaram no sábado, 23, sua última reunião antes do início do exercício de 2016. João Rafael Sobrinho, João Batista da Silveira, Rauil Lincoln Soares e Flávio Luís dos Reis reuniram-se no próprio Hotel Termas Caldas Affego, em Caldas Novas, para avaliar os trabalhos da equipe no ano passado.

“Além de agradecermos e saudarmos os colegas pela gestão que se encerrou, discutimos ainda os acertos do colegiado, como os melhoramentos que foram implementados no Hotel por nossa sugestão”, pontuou João Rafael Sobrinho, atual presidente do CAG-TCA.

Ele refere-se às reformas implementadas pela Diretoria Executiva no espaço do Hotel, como a Estação de Tratamento de Água e Esgoto, a instalação de blindex e climatizadores no restaurante, a substituição do tampo de madeira das mesas do restaurante de madeira por tampos de granito e, por último, já sob a administração da Soma Empreendimentos, a instalação dos hidrômetros solicitados pelo Corpo de Bombeiros.

“Essas mudanças foram relevantes até para a Soma fazer sua proposta de administração”, revelou João Rafael Sobrinho. Em nome dos colegas, o conselheiro também agradeceu à Diretoria da Affego e aos seus conselhos, em especial ao Conselho de Administração, pelo apoio incondicional ao CAG-TCA para a realização de seus trabalhos.

Para 2016, inclusive, o CA repetiu a indicação dos colegas João Rafael, João Batista da Silveira, Rauil Lincoln Soares e Flávio Luís dos Reis para continuar as ações à frente do colegiado. Os auxiliarão ao longo do ano também um novo membro, Ruivald Rodrigues de Araújo.

 
Fonte/Autoria: Alana Sales • Assessoria em Comunicação Affego

 
Enviado em 21/01/2016 às 13h34min
 
 
CA aprova mudanças no Regulamento do Affego-Saúde

Alana Sales

Alterações no regulamento do plano foram feitas para atender exigências da ANS


Em reunião extraordinária realizada quarta-feira, 20, o Conselho de Administração da Affego aprovou uma série de mudanças no Regulamento do Affego-Saúde para adequá-lo a exigências da Agência Nacional de Saúde (ANS). Entre as principais mudanças, está a exclusão do parágrafo III do art. 10 do Regulamento, que garante a manutenção das inscrições de ex-cônjuges e seus familiares do quadro de assistidos.

Confira a redação do parágrafo abaixo. Ele foi revogado na íntegra:

Art. 10

III – poderá ser mantida a inscrição ou ser solicitada a reinscrição como beneficiários do filiado:

a) do ex-cônjuge do filiado, do filho, do enteado, do neto ou do filho do enteado;

b) do grupo familiar o ex-cônjuge do filiado, limitado ao terceiro grau de parentesco.


Além destes, os incisos 6 e 11 do art. 13 também foram excluídos na íntegra. Confira os respectivos textos abaixo:

§6 - O filiado que se afastar temporariamente do serviço público, ou até mesmo em caráter definitivo, em virtude de exoneração a pedido, poderá continuar como integrante do AFFEGO-SAÚDE, desde que atenda às exigências estipuladas neste regulamento e efetue o pagamento de suas cotas até o dia 10 de cada mês.

§ 11 – Em caso de haver outros ex-cônjuges ou ex-companheiros(as), já beneficiários do plano, estes terão os mesmos direitos e deveres tratados nos parágrafos anteriores.


Os artigos 14 e 29 também foram alvo de deliberações dos conselheiros. Ao contrário dos demais, porém, estes não precisaram ser excluídos, mas sofreram as seguintes alterações:

Art. 14 (caput) – No caso do falecimento do associado titular da AFFEGO, o pensionista associado da Affego poderá inscrever-se como titular no Affego-Saúde mediante requerimento dirigido ao Diretor do Plano.

Art. 29

§ 2º – Na condição de cônjuge, admitir-se-á a inscrição de apenas uma pessoa, a companheira atual.

O Conselho de Administração agora convocará uma Assembleia Geral Extraordinária para apresentar alterações no Estatuto da Affego aos associados. As mudanças são necessárias também para atenderem a exigências da Agência Nacional de Saúde, que estipulou uma série de obrigações às entidades mantenedoras de planos de autogestão para autorizar o funcionamento das operadoras.

Um advogado foi encarregado de redigir o edital de convocação da AGE com as explicações detalhadas das alterações propostas. A Assembleia está prevista para o dia 13 de fevereiro.
 
Fonte/Autoria: Alana Sales • Assessoria em Comunicação Affego

 
Enviado em 19/01/2016 às 16h59min
 
 
CA elege nova mesa diretora em primeira reunião do ano

Alana Sales

Conselho de Administração se reuniu no Salão Nobre da Affego para eleger mesas diretoras


Em sua primeira reunião ordinária este ano, realizada no último sábado, 16, o Conselho de Administração da Affego dedicou-se a eleger a nova mesa diretora do colegiado, do Conselho Fiscal, e os novos integrantes dos conselhos Auxiliar de Gestão do TCA e de Ética e Julgamento. José Batista Segurado, por unanimidade, foi escolhido para permanecer à frente do CA; Osvaldo Alves Freire também continua na liderança do CF.

Auxiliarão Segurado na mesa diretoria do Conselho de Administração os colegas Célio Marcos Cardoso, como Vice-Presidente; Alair Pereira, como 1º Secretário; e Milton Gonçalves como 2º Secretário. No Conselho Fiscal, completa a diretoria a conselheira Iolanda Imaculada Araújo, como Vice-Presidente.

Os conselheiros ainda decidiram repetir a indicação dos colegas João Rafael Sobrinho, João Batista da Silveira, Rauil Lincoln Soares e Flávio Luís dos Reis para os trabalhos no CAG-TCA. Os colegas foram elogiados pelo empenho na fiscalização dos assuntos referentes ao Hotel Termas Caldas Affego em 2015 e a confiança em suas atuações lhes manterão no cargo para este ano. Trabalharão com eles um novo integrante do CAG, Ruivald Rodrigues de Araújo.

O Conselho de Ética e Julgamento da Associação permanece dirigido pelas únicas conselheiras mulheres dos colegiados affegueanos. Terezinha Alves Cardoso, Dalvina Alves Cardoso, Iolanda Imaculada Araújo e Adeir Conceição de Souza, indicadas pelos colegas no início do ano passado, também conduzirão os trabalhos ao longo de 2016

Os conselheiros suplentes Márcio Arruda e Walter Pureza foram convocados para atuar junto aos membros do CA; e Luiz Carlos Goulart, para voltar ao CF. Também participaram da reunião o diretor do Affego-Saúde, Wilson Brandão, e o gerente de Faturamento do plano, Welington Araújo, para tratar questões internas da operadora.

Clube de Itumbiara

O Conselho de Administração também deliberou sobre a proposta de criação de um regulamento para o Clube Petrônio de Carvalho, sito em Itumbiara. Por considerarem a questão de maior complexidade, os conselheiros decidiram discuti-la novamente em sua próxima reunião ordinária, marcada para 13 de fevereiro.

 
Fonte/Autoria: Alana Sales • Assessoria em Comunicação Affego

 
Enviado em 19/10/2015 às 17h12min
 
 
CA avalia parceria com plano odontológico Metlife

Ascom

Frederico Correia apresentou plano odontológico Metlife aos conselheiros


O Conselho de Administração recebeu em sua última reunião ordinária no sábado, 17, o representante da Metlife Seguradora e especialista em planos odontológicos, Frederico Correia, para uma exposição sobre o plano odontológico da empresa, que quer fechar parceria com a Affego. Frederico foi apresentado aos conselheiros por Cleyton Santos, da Gold Corretora, que intermediou a explanação.

O objetivo era demonstrar os pontos fortes da seguradora: sua estrutura de alcance mundial, a boa classificação nos rankings Top of Mind, bem como a cobertura ampla em território nacional capaz de atender às demandas dos affegueanos. O plano trazido foi o First, que cobre o Rol da Agência Nacional de Saúde (ANS) e oferece cobertura para procedimentos simples, como consultas e diagnósticos, até os mais complexos, como cirurgias ambulatoriais.

“Nossos diferenciais são uma cobertura mundial, nosso relacionamento diferenciado com o prestador, que é sempre pago após 10 dias do atendimento, uma rede credenciada da mais alta qualidade, entre tantos outros. Oferecemos também ao beneficiário um aplicativo que o permite, a partir do CEP em que se encontra, localizar o prestador que atende nas proximidades”, destacou Frederico Correia aos conselheiros. O custo do Plano First Metlife por pessoa ficaria por R$ 19,90.

Os conselheiros aproveitaram para sanar dúvidas sobre o convênio, como a transferência dos affegueanos do atual plano para o Metlife. Ressaltaram também a necessidade da Metlife apresentar uma proposta oficial de parceria à Diretoria. “Antes de tudo, o presidente da Affego tem que avaliar se o convênio é interessante ou não. Só depois de receber a proposta oficial é que ele pode passá-la a nós, que a avaliaremos. Nessa proposta é importante que constem todos os serviços e diferenciais apresentados pela seguradora”, destacou o conselheiro Orismar Parreira Costa.

Frederico Correia e Clayton Santos concordaram e ficaram de apresentar já nesta segunda-feira, 19, uma proposta oficial à Diretoria.

 
Fonte/Autoria: Alana Sales • Assessoria em Comunicação Affego

 
Enviado em 19/10/2015 às 17h11min
 
 
Finanças do Hotel TCA saem do vermelho

Com a presença do membro do Conselho Auxiliar de Gestão do TCA, João Rafel Sobrinho, e da contadora Vera Godoi, a reunião do Conselho de Administração do último sábado, 17, também tratou questões referentes ao Hotel Termas Caldas Affego. No terceiro mês desde a transição administrativa pela qual passou a área de lazer, vários pontos positivos já demonstrados pela Soma foram apresentados ao CA.

“Todas as obrigações salariais com os funcionários têm sido cumpridas e a Silmara Cosentino, que gerencia o Hotel, se mostra uma profissional de alto gabarito na rede hoteleira. Eles já substituíram dez dos velhos ar condicionados e iniciarão em breve a reforma na recepção do Hotel. Pensando nisso, decidimos reduzir as visitas semanais do Conselho ao Hotel para uma vez por mês”, apontou João Rafael.

Vera Godoi também trouxe boas notícias ao colegiado. Segundo a contadora, as finanças do Hotel administradas pela Associação já conseguiram sair do vermelho. Vera apresentou a transparência da arrecadação extra paga pelos associados e um pequeno demonstrativo de receitas e despesas da área de lazer.

“Em 30 de setembro, R$ 670 mil da contribuição extra já havia sido recebida. Cerca de R$ 456 mil deste valor foram utilizados para quitar as obrigações trabalhistas com os antigos funcionários. Os últimos dois colaboradores que permaneciam em nossa folha de pagamento foram dispensados em setembro, gerando rescisões de R$ 5.034,00. Apenas um funcionário, licenciado pelo INSS, permanece atualmente no quadro.”, informou a contadora.

Por autorização do presidente Joaquim Dilton, uma conta poupança foi criada para aplicar o restante da contribuição extra. Esse montante ficará à disposição da Associação pelo menos pelos próximos meses caso algum ex-colaborador decida acionar a justiça com processos trabalhistas contra a Affego. O Fundo de Reservas do TCA também receberá as receitas geradas com hospedagem nos 38 apartamentos administrados pela Associação.

Já em setembro, uma pequena receita foi gerada por meio das diárias, tirando o TCA do vermelho. “Houve um rendimento de R$ 10.353,17 de receitas com hospedagem no último mês. Nossos únicos gastos no momento são com as empresas Geo Caldas, a quem pagamos R$ 677,98 pela regularização dos poços de água quente; a DCO Engenharia, responsável pela estação de tratamento de Hotel, que recebeu R$ 2.115,00; e o sistema e-Solutions de hospedagem, que nos custa R$ 600,00.”, pontuou Vera Godoi.

Toda sobra mensal será depositada nesta conta para futuros investimentos na área de lazer, ou quaisquer outros destinos determinados e aprovados pelo Conselho de Administração.

 
Fonte/Autoria: Alana Sales • Assessoria em Comunicação Affego

 
Enviado em 19/10/2015 às 16h59min
 
 
7 verdades para fazer seu cérebro trabalhar melhor para você

Mensagem lida pelo conselheiro Orismar Parreira Costa na última reunião ordinária do Conselho de Administração da Affego, em 17 de outubro:

1. Ninguém é burro ou inteligente. O cérebro é maleável e tem um potencial de 100 bilhões de neurônios. Ou seja: todo mundo é capaz de aprender, se tiver os estímulos certos.

2. Para aprender é preciso querer aprender. Isto é, acreditar em sua capacidade e ter determinação.

3. Estabelecer objetivos é eficaz para compreender que vale a pena investir nos estudos presente.

4. O pensamento positivo tem poder. E também o negativo. Quem acredita que vai falhar precisa vencer o desafio e sua própria negatividade, esforço desnecessário.

5. É preciso equilíbrio emocional e criatividade para lidar com as frustrações. Só assim vence as situações de conflito ou as de perdas.

6. O erro faz parte do processo de aprendizagem. Não significa fracasso ou incapacidade.

7. O stress constante poder reduzir o número de conexões neuronais e prejudicar o seu desenvolvimento.


Fonte: Revista Você S/A. Edição 202. Abril/2015
 
Fonte/Autoria: Orismar Parreira Costa

 
Navegue pelo blog
Mensagens trazidas pelo conselheiro Orismar Parreira
CA avalia parceria com Gold Corretora em última reunião
Maior parte da contribuição extra já foi recebida
Conselho de Administração realiza sua segunda reunião ordinária em 2015
Conselho de Administração elege diretorias dos colegiados em primeira reunião do ano
CA cria comissão para avaliar compra de imóvel
O Tesouro de Bresa e Harbatol
 
AFFEGO - Associação dos Funcionários do Fisco do Estado de Goiás
Rua Henrique Silva, Nº 312, Setor Sul, CEP 74.083-020 - Goiânia (GO) - Fone: 3218-5051