Você está aqui: Blog da Affego
-
   
Enviado em 22/02/2018 às 14h08min
 
 
• SAÚDE MENTAL
Affego traz curso de Ginástica Cerebral do método Supera para os associados

Alexandro Lima

Curso de Ginástica Cerebral será feito no Salão Nobre da Associação


A Affego vai oferecer aos seus associados a possibilidade de fazer uma das atividades de saúde mental mais elogiadas do momento. Trata-se do curso de Ginástica Cerebral da SUPERA, a primeira empresa brasileira a se especializar no desenvolvimento do cérebro e da saúde da mente.

Para apresentar esse curso e o método que vêm ajudando milhares de pessoas de todo o país a explorarem novas habilidades, uma equipe da SUPERA oferecerá uma aula experimental totalmente de graça naAffego, na próxima quarta-feira, 28, a partir das 8 horas.

O público-alvo são os associados com 60 anos ou mais, que querem sair da rotina e melhorar a sua saúde mental. Baseado na Teoria das Inteligências Múltiplas de Howard Gardner, o método SUPERA prioriza a diversidade de talentos, capacidades e estilos de aprendizagem dos participantes, valorizando os potenciais de cada um de acordo com a sua faixa etária.

O curso que será promovido na Affego é voltado exclusivamente para a Terceira Idade com o objetivo de deixar o cérebro mais ativo, estimulando a memória, o raciocínio, aumentando a independência e, consequentemente, a qualidade de vida dos participantes.

A SUPERA oferece um amplo material didático para os alunos, com jogos didático-pedagógicos, dinâmicas, exercícios aeróbicos para estimular os neurônios, apostilas e ábacos, tudo como ferramentas para auxiliar na exploração do potencial cerebral.

Venha experimentar a Ginástica Cerebral e se surpreenda com o potencial dinâmico da sua mente!

Para saber mais, entre em contato com o Setor de Promoção da Saúde e Prevenção a Riscos e Doenças do Affego-Saúde pelo número (62) 3218-5051 ramal 256.



 
Fonte/Autoria: Alana Sales • ASCOM

 
Enviado em 22/02/2018 às 11h44min
 
 
• EVENTOS
Affego vai te levar para o Pratagy Beach Resort, um paraíso em Maceió

Alexandro Lima

Regime all inclusive inclui diversos pratos e bebidas sem cursos adicionais

Resort paradisíaco fica às margens da Praia de Pratagi, em Maceió (AL)
Um paraíso no meio das praias nordestinas, esse é o Pratagy Beach Resort, um complexo de lazer situado às beiras da Praia de Pratagi, em um recanto idílico chamado “Sereia do Pratagy”, no melhor da Costa dos Corais e a 15 minutos de Maceió, no Alagoas. É para esse lugar paradisíaco que a Affego te levará entre os dias 18 a 24 de junho.

O Departamento Social está organizando uma excursão all inclusive rumo ao resort e, para embarcar nessa viagem dos sonhos, você precisa apenas fazer a sua pré-inscrição no Departamento Social e garantir a reserva com a empresa M&I Turismo, que será parceira da Affego nessa excursão.

São 6 dias à beira de uma das mais belas praias do Brasil, com direito a banhos de mar, complexo de piscinas, chalés românticos e o melhor da gastronomia litorânea. O pacote completo da viagem inclui:

  • Passagens aéreas de ida e volta;

  • 6 noites de hospesagem;

  • Regime all inclusive;

  • Transfer in / out

  • Guia acompanhante

  • Seguro viagem

O sistema all inclusive inclui diversos pratos e bebidas sem custos adicionais. Além disso, o Pratagy Resort contém uma estrutura de lazer para todos os gostos, com inúmeras piscinas, quadras de esporte e uma programação diária de atividades para todas as idades.

Pacote

O pacote completo da viagem com passagens aéreas, hospedagem, seguro e guia inclusos sai por R$ 4.800 por pessoa. O pagamento pode ser feito à vista ou parcelado com 20% do valor à vista e outras 9 parcelas no cartão de crédito.

Para saber mais, entre em contato com o Departamento Social da Affego pelo número (62) 3218-5051 ramal 258, tire todas as suas dúvidas e garanta a sua pré-reserva. Ou fale diretamente com a M&I Turismo pelos números (62) 3093-4757 | 9 9138-1143 | 9 8180-7966

E prepare-se para viver a viagem mais marcante de sua vida!



 
Fonte/Autoria: Alana Sales • ASCOM

 
Enviado em 22/02/2018 às 10h41min
 
 
• SOCIAL
Oficina de Corte e Costura da Affego retorna em 1º de março

Alexandro Lima

Atividade rendeu bons momentos no ano passado e conquistou o coração das affegueanas

Participantes da oficina mostram com orgulho um dos produtos produzidos por elas mesmas durante a oficina
A oficina de Corte e Costura, promovida pelo Departamento Social da Affego, estará de volta a partir da próxima quinta-feira, 1º de março, para a alegria das affegueanas. O local das reuniões permanece o mesmo: a sala do Departamento Social, no 1º andar da associação. Na coordenação das atividades, continua também a colaboradora Maria do Socorro.

Essa é uma boa notícia para as associadas que se acostumaram em 2017 a se reunir toda semana para praticar esses ofícios prazeroso que são a costura e o bordado. Aquelas que ainda não conhecem a oficina têm agora a oportunidade de participar e, desse modo, usufruir de todos os benefícios trazidos pela atividade.

Desde primeiro semestre do ano passado, quando a oficina foi criada, ela conseguiu reunir pensionistas para trocar experiências, agulhas, linhas e histórias no primeiro andar da Affego. O prazer em costurar, bordar um pano, colcha ou um tapete, tudo isso enquanto se interage com as colegas do Fisco em um clima de amizade e colaboração, fizeram um grande bem às participantes.

Nice Laborão Neto de Melo, pensionista da Affego, conta que não gostava de sair de casa de forma nenhuma, e participar da oficina de corte e costura trouxe uma nova oportunidade de sair e sorrir. “Tenho o maior prazer de vir aqui, me sinto bem, fiz muitas amigas”, comenta. A pensionista ainda faz o convite àquelas que não saem de casa: “Pra vocês que ainda não têm a força pra vir, venha uma vez, quero ver se não vai repetir”, conclui.

Participante de todas as atividades que a associação promove, a pensionista Ercília Santos Costa reafirma a opinião da colega sobre a alegria de compartilhar bons momentos durante os trabalhos de costura. “É um preenchimento de vida pra gente, depois de iniciar essa oficina ninguém mais fica doente”. Ercília ainda complementa que não imaginava a quantidade de novas amizades que faria dentro da oficina: “Chegava quinta-feira estávamos todas ansiosas para vir para contar piada, histórias”.

A alegria em estar na oficina é dividida também pela pensionista Deusdete Meireles Braga, que participa desde a primeira reunião, quando conheceu o trabalho. “Aqui as preocupações ficam lá fora”, comenta Deusdete.

O bom resultado é tanto que o grupo chegou a expor os bordados produzidos durante a oficina na última Feira de Artesanato da Affego em 2017, ocorrida no mês de dezembro. Esse ano, esperam ter mais oportunidades de apresentar seu trabalho, e que mais colegas se inspirem a participar das horas de lazer e costura.

Como participar:

Basta vir até a Affego nas quintas-feiras, às 14 horas, e se dirigir ao Departamento Social, que fica no final do corredor do primeiro andar. Traga o seu material de costura básico e divirta-se!



 
Fonte/Autoria: Alana Sales e Thaíla Queiroga • ASCOM

 
Enviado em 21/02/2018 às 13h52min
 
 
• CLIPPING
Fazenda vai construir delegacia em Formosa

Internet




A Secretaria da Fazenda pretende iniciar no próximo mês a construção da nova sede própria da Delegacia Regional de Fiscalização de Formosa. A obra deve durar seis meses e está avaliada em R$ 2,8 milhões com recursos do Profisco e Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Os contribuintes continuarão sendo atendidos no mesmo prédio, ao lado, enquanto durar a construção.

O delegado Sergimar Soares explica que a atual delegacia, que ocupa três prédios, tem duas dependências condenadas por precariedade das instalações. A empresa vencedora está providenciando a documentação para iniciar a obra. Ela terá aproximadamente 1.500 metros quadrados e será erguida em lote vago, ao lado do prédio atual.




 
Fonte/Autoria: Comunicação Setorial - Sefaz​

 
Enviado em 20/02/2018 às 12h09min
 
 
• LUTO
Falecimento de Silvia Rezende Soares de Carvalho

Internet




É com imenso pesar que comunicamos o falecimento da pensionista Silvia Rezende Soares de Carvalho, mãe do colega auditor fiscal Itamar Soares de Carvalho, ocorrido na noite de ontem, 20 de fevereiro.

Silvia está sendo velada no Cemitério Jardim das Palmeiras e será sepultada no mesmo local, às 18 horas.

Oferecemos ao colega Itamar Soares e a todos os seus familiares as nossas mais sinceras condolências, e aproveitamos para conclamar os affegueanos a prestarem solidariedade à família enlutada neste momento de dor.



 
Fonte/Autoria: Alana Sales • ASCOM

 
Enviado em 19/02/2018 às 13h56min
 
 
• SOCIAL
Casa de Apoio ao Interior começa a funcionar em 5 de março

Alana Sales

O local terá um regulamento próprio elaborado pela Diretoria da Affego


Sob a administração da Affego, a Casa de Apoio ao Interior Affego - CAPI abrirá novamente as portas a partir do dia 5 de março, com o objetivo de receber os affegueanos residentes do interior do Estado que precisam se hospedar em Goiânia para realizar algum tratamento médico. Cada associado terá direito também a trazer seus acompanhantes, cujas condições para hospedagem serão reguladas pelo Regulamento da CAPI.

Além deles, poderão também usufruir do espaço associados da Affego que não estão em tratamento de saúde, mas que precisem vir à capital cuidar de assuntos particulares; e associados do Sindifisco, mediante o pagamento de uma contribuição.

As normas de regulamentação para utilização da Casa foram propostas pela Diretoria da Affego ao Conselho de Administração no último sábado, 17, e estão sendo analisadas pelos conselheiros. Eles se reunirão novamente ainda este mês, em caráter extraordinário, para deliberar sobre o documento e prosseguir com a aprovação.



 
Fonte/Autoria: Alana Sales • ASCOM

 
Enviado em 19/02/2018 às 13h48min
 
 
• SAÚDE
Programa de Atenção Domiciliar do Affego-Saúde é destaque em qualidade e adesão

Alexandro Lima

As coordenadoras do PAD, Rejane Karla e Maria Odete, apresentaram o programa ao Conselho de Administração no último sábado, 17

Rejane Karla é a Coordenadora de Fisioterapia e Maria Odete, enfermeira
Um dos programas pioneiros do Affego-Saúde, essencial para o atendimento dos beneficiários com mobilidade reduzida, é o Programa de Atenção Domiciliar – PAD. O PAD, como o próprio nome diz, realiza em domicílio o atendimento aos pacientes do plano que comprovadamente apresentam danos capazes de comprometer sua locomoção até a rede credenciada. É o caso dos usuários que sofreram Acidentes Vasculares Encefálicos (AVE); que são Portadores de Necessidades Especiais (PNEs); vítimas de doenças neurológicas, demências; em pós-operatório e com incapacidade funcional.

A comprovação da necessidade do atendimento domiciliar é feita através de um relatório do médico assistente, no qual é relatado o quadro clínico do paciente e quais as necessidades terapêuticas ele possui.

Adesão

Atualmente, o Programa conta com 94 beneficiários cadastrados. Eles recebem visitas domiciliares semanais de um médico, fisioterapeuta, enfermeira e da equipe de atendimento que integra o PAD. Essa equipe interdisciplinar é composta por assistentes sociais, enfermeiras, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, médicos, nutricionistas, psicólogos e terapeutas ocupacionais.

Nos casos em que a cura total não é possível, a equipe é responsável pelos cuidados paliativos que vão garantir qualidade e conforto de vida aos pacientes. A enfermeira Maria Odete, uma das coordenadoras do PAD, afirma que o Programa contempla hoje pacientes nos mais variados quadros clínicos, e a cada um deles é dado um atendimento específico, de acordo com suas necessidades.

“Quando um pedido é feito para inclusão no PAD, nós agendamos uma visita à residência do beneficiário para constatar seu quadro clínico. Nessa visita participam sempre uma enfermeira, a coordenadora da Fisioterapia, Rejane Karla, e um médico coordenador da equipe. A partir dali é que avaliaremos se há necessidade real de atendimento domiciliar e encaminharemos os profissionais adequados e, num segundo momento, é elaborado o Projeto Terapêutico Singular”, informa Odete.

Reconhecimento

Rejane Karla, fisioterapeuta que assumiu a liderança do Programa de Atenção Domiciliar no final do ano passado, destaca que o crescimento do programa ano após ano é fruto do reconhecimento dos próprios beneficiários e da confiança desenvolvida entre eles e a equipe do Affego-Saúde. “Um comenta com o outro o quanto o quadro de saúde do familiar melhorou desde que ele ingressou no PAD, e assim aquela família também é motivada a aderir”, afirma.

Para ela, o próximo passo é elaborar planilhas com dados detalhados sobre os custos que o Programa traz ao Affego-Saúde e compará-los aos mesmos custos que seriam gerados caso o paciente estivesse em atendimento hospitalar. Com isso, ela espera comprovar também a eficácia do programa na redução de custos ao plano, já que tratar o paciente com mobilidade reduzida em casa diminuiria os gastos relativos a internação.

Os benefícios do PAD na recuperação do paciente, porém, já são inquestionáveis. “Em um ambiente familiar, acolhedor, esse paciente apresenta uma recuperação muito mais célere do que em um ambiente hospitalar. A totalidade dos nossos pacientes em atendimento pelo PAD confirma isso”, destaca Rejane – uma demonstração de que a humanização do atendimento é realmente o melhor caminho para a reabilitação.



 
Fonte/Autoria: Alana Sales • ASCOM

 
 

Conselho de Administração criará GT para avaliar mudanças no Regulamento do Affego-Saúde

Entenda como funciona o departamento Jurídico da Affego

Apesar de lotação máxima, Termas Caldas Affego teve carnaval tranquilo

Sindifisco faz alerta a servidores públicos sobre obrigatoriedade de exames médicos

No Clube Campestre, affegueanos provam que carnaval não tem idade

Concurso para Auditor Fiscal na Sefaz goiana já tem comissão

Ajude a quem precisa. Faça sua doação de sangue!


AFFEGO - Associação dos Funcionários do Fisco do Estado de Goiás
Rua Henrique Silva, Nº 312, Setor Sul, CEP 74.083-020 - Goiânia (GO) - Fone: 3218-5051